Como uma Linha de Tendência pode aumentar o seu sucesso no trading

trendline

"Como desenhar uma linha de tendência" é uma das primeiras coisas que as pessoas aprendem quando estudam análise técnica. Normalmente, eles passam rapidamente para tópicos mais avançados e frequentemente descartam a mais simples de todas as ferramentas técnicas. No entanto, você ficaria surpreso com o valor que uma linha simples pode oferecer ao analisar um mercado. Este artigo irá explicar a psicologia da linha de tendência e como usá-la da maneira correta para melhorar seu sucesso no trading.

"Uma linha de tendência representa a psicologia do mercado, especificamente a psicologia entre os bulls e bears (compradores e vendedores). Se a linha de tendência se inclina para cima, os bulls estão no controle. Se a linha de tendência se inclina para baixo, os bears estão no controle. Além disso, o ângulo real ou a inclinação de uma linha de tendência pode determinar se o mercado é extremamente otimista ou extremamente pessimista ".

Por outras palavras, uma linha de tendência pode ajudar a identificar a tendência do mercado e mais importante, uma mudança na tendência. Para o início, vamos compreender por que isso importa.

Onde as fortunas são feitas - Mudança de Tendência

A forma mais rápida e sem risco de fazer dinheiro nos mercados é identificando uma mudança de tendência no mercado, o mais cedo possível. Assuma a sua posição (longa ou curta), entre na tendência, e feche sua posição antes ou pouco depois da tendência reverter novamente. Qualquer profissional no mercado irá dizer que é impossível comprar nos mínimos e vender nos máximos (ou vender/comprar perto desses níveis) consistentemente; mas com prática, é bastante possível apanhar 60% a 80% de muitos movimentos de mercado a médio e longo prazo.

Para poder fazer isso, primeiro você precisa saber quais são os diferentes mercados. quais instrumentos de mercado estão disponíveis, onde e como são negociados. quais são os requisitos de margem e assim por diante. Dada essa informação, o próximo passo é identificar uma maneira de encontrar mercados específicos que podem ser boas oportunidades de investimento.

Para fazer isso, você pode ir à biblioteca e fazer três ou quatro anos de pesquisa em todos os mercados do mundo, mas, quando terminasse sua pesquisa, já teria esquecido metade do que aprendeu e ainda está sem dinheiro. A outra alternativa é aprender a olhar para os gráficos e analisar a tendência.

Usando gráficos de candlestick ou gráficos de barras é a forma mais simples e eficaz de analisar tendências para escolhar compras ou vendas potenciais em qualquer um dos muitos mercados. Ao aprender algumas técnicas simples, você pode olhar  até duzentos ou trezentos gráficos em uma hora e retirar as rosas da lama. Então, com um exame mais cuidadoso, você pode escolher o melhor dos melhores e ficar com uma escolha de cinco ou dez mercados que valem a pena fazer pesquisas. Quando você analisa esses gráficos, o que você está procurando é a evidência de que um par forex, uma ação, um índice ou uma commodity específica provavelmente encontrará uma mudança de tendência. 

Existem duas vantagens importantes, e muitas vezes esquecidas, no uso de gráficos para a tomada de decisões especulativas e de investimento.

Primeiro, é mais fácil para a maioria das pessoas pensar em termos de imagens visuais. Segundo, definindo pontos concretos de entrada e saída de acordo com os gráficos, você pode mais facilmente permanecer distante das pressões emocionais que muitas vezes são confusas quando o dinheiro está em jogo. 

Lembre-se de que a consistência técnica dos gráficos é melhor no longo prazo, um pouco pior no médio prazo e a mais variável no curto prazo. Existem padrões nos gráficos porque os participantes do mercado respondem a condições semelhantes de maneiras semelhantes.

Continue a ler ou experimente numa conta demo sem risco com as linhas de tendência mais avançadas e ferramentas de análise de tendência. 

banner

Desenhar a Linha de Tendência para Analisar a Tendência 

Em seções anteriores, já vimos o que é uma tendência. Mas, para revisar, uma tendência é a direção predominante dos movimentos de preços em um determinado período de tempo. Em uma tendência altista, os preços aumentam consistentemente ao longo do tempo, interrompidos apenas por vendas temporárias, que não produzem baixos mais baixos do que a venda anterior. Uma tendência baixista é o inverso da tendência altista - os preços se movem consistentemente para baixo, interrompidos por subidas temporárias que não atingem altas mais altas do que as subidas anteriores. No gráfico, as tendências aparecem como uma espécie de padrão de lâmina de serra, em que os preços atingem altas mais altas interrompidas por baixas mais altas nas vendas durante uma tendência de alta e baixas mais baixas interrompidas por altas mais baixas nos comícios em uma tendência de baixa.

Ao analisar uma tendência nos gráficos, a ferramenta mais útil é a linha de tendência. Um dos maiores erros cometidos por amadores e profissionais é definir e desenhar inconsistentemente a linha de tendência. Para ser útil, a linha de tendência deve refletir com precisão a definição da tendência. O método que inventámos é muito simples e muito consistente. Ele se ajusta tanto à definição de uma tendência quanto às inferências tiradas da Teoria de Dow referentes aos elementos de uma mudança de tendência:

Selecione o período em consideração: o longo prazp (meses a anos), o médio prazo (semanas a meses), ou curto prazo (dias a semanas). Pode também ser um segmento mais curto de qualquer um destes onde uma mudança do ângulo da linha de tendência é aparente. 

Desenhando uma Linha de Tendência para uma Tendência Altista

Para uma tendência altista dentro do período de consideração, trace uma linha do ponto mais baixo mais baixo, para cima e para o ponto mais baixo menor mais alto, antes do ponto mais alto, para que a linha não passe pelos preços entre os dois pontos de reboque (Figuras 1 e 2 abaixo). Estenda a linha para cima além do ponto mais alto. É possível que a linha passe por preços que ultrapassem o ponto mais alto menor. De fato, essa é uma indicação de uma mudança de tendência, como será demonstrado em breve.



FIGURA 1: Desenhando uma tendência altista corretamente - para uma tendência altista, desenhe a linha de tendência do baixo mais baixo para o baixo mais baixo, precedendo o máximo, sem passar pelos preços entre os dois pontos.

 

​FIGURA 2: Desenhando a tendência altista incorretamente - essa linha de tendência está errada porque, embora passe do baixo mais baixo para o mais baixo que precede o alto mais alto, ela passa pelos preços entre os dois pontos. Este erro resultará em uma falsa indicação de uma possível mudança de tendência.

Desenhando a Linha de Tendência para uma Tendência Baixista

Para uma tendência baixista dentro do período de consideração, desenhe uma linha do ponto alto mais alto ao ponto alto mais baixo antes do baixo mais baixo, para que a linha não passe pelos preços entre os dois pontos mais altos. Estenda a linha além do ponto alto mais baixo (Figuras 3 e 4 abaixo).

FIGURA 3: Desenhando corretamente a tendência baixista - para uma tendência de baixa, desenhe a linha desde o alto mais alto ao alto mais alto, precedendo o baixo mais baixo, sem passar pelos preços entre os dois pontos.

FIGURA 4: Desenhando a linha de tendência incorretamente - esta linha de tendência está errada porque é desenhada para um ponto que não precede o baixo mais baixo. Observe que, embora a linha de tendência na figura anterior indique uma possível mudança de tendência, essa linha não fornece uma indicação tão forte. Isso demonstra a importância de ser consistente no desenho de linhas de tendência.

Embora este método seja bastante simples, é extremamente consistente e muito preciso. A inclinação dessa linha de tendência é uma aproximação aproximada da inclinação que você obteria fazendo uma análise de regressão linear nos dados de preços no mesmo período de tempo. Ao contrário de outros métodos, ela impede que você desenhe uma linha de tendência para atender às suas finalidades - impede de impor seu desejo à linha de tendência. Ela também fornece a base para determinar graficamente quando ocorreu uma mudança de tendência.

>> Como construir o sistema de trading forex perfeito

Identificar uma mudança na tendência é tão fácil quanto 1-2-3

A maneira ideal de especular é comprar na parte inferior e vender na parte superior dentro de uma tendência. Obviamente, isso é impossível de ser feito com consistência absoluta; os mercados são muito incertos. Mas há uma maneira de determinar tecnicamente quando ocorreram mudanças de tendência, para que você possa capturar 60% a 80% da maioria das ações e movimentos de preços de commodities a longo prazo.

Existem três mudanças básicas nos movimentos de preços que, quando ocorrem em conjunto, definem uma mudança de tendência em qualquer mercado: forex, ações, commodities, títulos, etc. As mudanças são: 
 
1. Uma linha de tendência é quebrada. Os preços cruzam a linha de tendência desenhada no gráfico (Figura 5). 

FIGURA 5: Quebrando a linha de tendência intermediária - a primeira indicação de uma mudança de tendência é quando os preços quebram uma linha de tendência intermediária desenhada corretamente. Condição 1 do critério de mudança de tendência 1-2-3.

2. A tendência para de fazer altos mais altos em uma tendência altista ou baixos mais baixos em uma tendência baixista. Por exemplo, em uma tendência altista após uma pequena liquidação, os preços subirão novamente, mas não serão mantidos acima do ponto alto anterior ou apenas quebrarão o ponto alto e depois falharão. O inverso aconteceria em uma tendência baixista. Isso geralmente é descrito como um "teste" do ponto alto ou baixo. Essa condição geralmente, mas nem sempre, ocorre quando uma tendência está em processo de mudança. Quando isso não ocorre, os movimentos de preços são quase sempre motivados por notícias importantes, o que faz com que os preços se abaixem ou diminuam e se movam erraticamente em relação ao movimento "normal" de preços (Figura 6).

FIGURA 6: Um teste e falha da alta intermediária anterior - a segunda indicação de uma mudança na tendência ocorre quando os preços se aproximam, mas não atingem uma alta anterior e depois falham. Condição 2 da mudança 1-2-3 do critério de tendência.

3. Os preços vão acima de uma alta menor de curto prazo anterior alta em uma tendência baixista ou abaixo de uma baixa de venda menor de curto prazo anterior em uma tendência altista (Figura 7).

FIGURA 7: Quebra de preço abaixo de um mínimo intermediário anterior - a terceira e última indicação de uma mudança na tendência ocorre quando os preços quebram abaixo de um mínimo importante menor anterior. Condição 3 do critério de mudança de tendência 1-2-3.

No ponto em que todos os três eventos ocorreram graficamente, existe o equivalente a uma confirmação da Teoria de Dow de uma mudança de tendência. Qualquer uma das duas primeiras condições por si só é evidência de uma provável mudança de tendência. Dois em cada três aumentam a probabilidade de uma mudança de tendência. E três em cada três definem uma mudança de tendência.

Para observar uma mudança de tendência nos gráficos, tudo o que você precisa fazer é converter esses princípios em termos gráficos da seguinte maneira (consulte as Figuras 5-7):

1. Desenhe a linha de tendência como descrito acima.

2. Para uma tendência baixista, desenhe uma linha horizontal através do ponto baixo atualmente estabelecido. Desenhe uma segunda linha horizontal através do rally menor imediatamente seguinte.

3. Para uma tendência altista, desenhe uma linha horizontal através do ponto alto atualmente estabelecido. Desenhe uma segunda linha horizontal através da mínima menor venda imediatamente anterior.

Considere o caso de uma tendência altista. Se os preços cruzarem a linha de tendência, marque o gráfico com 1 circulado no ponto de cruzamento. Se os preços se aproximarem, tocarem ou quebrarem levemente a linha horizontal correspondente à alta atual e depois não conseguirem, marque o gráfico com um círculo 2 nesse ponto. Se os preços continuarem na linha correspondente à baixa de venda imediatamente anterior, marque o gráfico com um círculo 3 nesse ponto. Se duas das três condições forem atendidas, é bem provável que ocorra uma mudança de tendência. Se todas as três condições forem atendidas, a mudança de tendência ocorreu e é mais provável que continue na nova direção.

Após um pouco de prática, você pode aprender a associar visualmente os três critérios de uma mudança de tendência e pensar neles em termos de 1-2-3: (I) uma quebra na linha de tendência; (2) um teste do alto ou baixo anterior; (3) a quebra de um rally menor anterior alto ou menor sell-off menor. É tão fácil quanto I-2-3 - a tendência mudou!

Naturalmente, negociar somente com essas regras não é 100% eficaz - nenhum método é. Mercados ilíquidos, sensíveis às notícias e altamente especulativos, como o mercado forex ou mercado de criptomoedas e mercado acionista estão especialmente sujeitos a reversões repentinas (veja a Figura 7.9). Se você negociar com o critério 1-2-3 ou qualquer outra mudança de critério de tendência e o mercado reverter, isso será chamado de "ser chicoteado". A melhor maneira de evitar ser chicoteado ou minimizar sua perda, se você for chicoteado, é seguir estas regras:

1. Negocie apenas em mercados altamente líquidos que historicamente não estão sujeitos a reversões súbitas e grandes. Nos gráficos, os mercados ilíquidos são caracterizados por grandes movimentos de preços com atividade esparsa (Figura 7.8).

2. Evite, se possível, mercados altamente sensíveis às notícias ou mercados fortemente sujeitos a mudanças radicais decorrentes da intervenção monetária e fiscal do governo. Os gráficos desses mercados serão preenchidos com "gaps" - grandes e bruscas mudanças nos preços, sem que os preços sejam impressos entre as mudanças.

3. Assuma posições apenas quando pontos de saída podem ser colocados em anteriores níveis de resistência ou suporte, que permitem minimizar perdas se o mercado provar que você está errado. Esses pontos de saída são chamados "stop losses" se eles acompanham sua ordem, ou podem ser configurados e executados, o que chamamos de stop mental.

A negociação pelo critério 1-2-3 é um método simples e eficaz que, se aplicado com cuidado, funciona com mais frequência. Um aspecto negativo ao negociar é que, quando todas as três condições são atendidas, às vezes você perde uma grande parte do movimento dos preços. Existem outras observações, no entanto, que podem ajudá-lo a decidir tomar uma posição muito antes. Um deles e meu favorito pessoal é o que chamo de critério "2B".

O Melhor Indicador de Linha de Tendência?

A melhor maneira de analisar a tendência e identificar uma mudança de tendência com maiores chances de sucesso foi apresentada acima, mas existem traders que usam o indicador de linha de tendência para avaliar o 'sentimento do mercado'. Esses indicadores de tendência podem ser:

 

Outros traders optam um indicadores de tendência automáticos, que identifica automaticamente um breakout de linha de tendência baseado em algumas regras pré-definidas. Um indicador automático de linha de tendência é, na verdade, um Forex EA ou Forex Robot.

É importante entender como usar uma linha de tendência para analisar a tendência e identificar uma mudança de tendência o mais rápido possível, mas se você precisar de ajuda o MetaTrader 5 AM Broker oferece algumas ferramentas avançadas para desenhar linhas de tendência, incluíndo indicadores de tendência e linha de tendência.

Adicionalmente, use um Expert Advisor Generator para criar indicadores de tendência automáticos com apenas alguns cliques sem escrever códigos e testar os sinais do indicador de linha de tendência testados com base em históricos.

banner

 

 

Categorias:  Education