Relatórios de mercado

Os últimos relatórios de mercado, para você por AM Broker

Agosto 2020

Agosto é tipicamente um mês turbulento para as Bolsas de Valores, e este ano não deverá ser diferente com a dinâmica do rally dos ultimos meses a mostrar sinais de desaceleração. Para os investidores que se perguntam em que ações investir, Agosto é uma época para serem cautelosos - particularmente ao ...

Agosto é tipicamente um mês turbulento para as Bolsas de Valores, e este ano não deverá ser diferente com a dinâmica do rally dos ultimos meses a mostrar sinais de desaceleração. Para os investidores que se perguntam em que ações investir, Agosto é uma época para serem cautelosos - particularmente ao abrirem novas posições. 

A Atividade econômica recuperou mais rapidamente do que o esperando após o afrouxamento dos LockDowns "Covid19" , mas um ressurgimento da pandemia esta agora a conduzir a um impasse nessa recuperação.

Este artigo fornece uma visão geral das cinco ações para investir que tem potencial para ter um bom desempenho, mesmo que os mercado mais amplos se retraiam. 

Como sugestão de ações, você deverá fazer sua devida diligência e considerar a sua tolerância ao risco. 

As Melhores Ações para Investir: Top 5 de Agosto. 

A recente subida acentuada das ações tecnológicas que liderou a recuperação dos mercados financeiros desde Março/20 , tornou os analistas cautelosos de que o setor pode estar a aproximar de novas Máximas. O Citibank sugere a realização de "uma análise das participações norte-americanas de grande dimensão relacionadas a tecnológia para evitar alocações que excedam 20% da riqueza da carteira",e acrescentar"diversificação para diminuir o risco global do setor tecnológico.Recorrer aos bens basicos de consumo e as empresas que podem resistir as tendencias ciclicas pode proporcionar alguma proteção da carteira. 

Selecionamos as cincos empresas para bons Investimentos em ações, no meio de um aumento da incerteza do mercado 

 

#1 Disney

O melhor momento para comprar ações de empresas que demonstraram seu poder de permanência ao longo prazo é quando muitos investidores estão a questionar o futuro. Nunca foi tanto o caso da Disney como é hoje,e é por isso que agora é o momento certo para olhar o gigante do entretenimento e da mídia.

Entretando em 2020, a Disney parecia ter um potencial ilimitado. Os estúdios de cinema da empresa continuaram a produzir conteúdo de grande sucesso que atraiu milhões de pessoas aos cinemas todos os anos. Os parques tematicos atrairam milhões de visitantes em todo mundo, ano após ano. E embora alguns estivessem preocupados com o potencial impacto sobre os cortes da Televisão a Cabo e das redes ESPM e ABC, os esforços para responder à concorrencia das plataformas de streaming , a propria lançou seu serviço de streaming, Dinesy+, onde parecia oferecer um caminho para casa do rato. 

No estanto,a pandemia COVID-19 revelou vulnerabilidades da gigante do entretenimento que muitos acionistas não sabiam que a Disney tinha. Os parque temáticos fecharam durante meses num esforço para travar a propagação do coronavírus e fecharam complexos teatrais que já não geravam muitas receitas para novos lançamentos de filmes. Esses fechamentos também atingiram as vendas de produtos de consumo no varejo, que dependem da demanda inspirada por outras partes dos negócios da Disney. As principais ligas esportivas suspenderam suas temporadas, retirando novo conteúdo da ESPN e pressionando as receitas de publicidade. O Impacto sobre os ganhos da Disney no curto prazo foi doloroso.

Olhando para o futuro, a Disney deve divulgar seus ultimos relatórios financeiros no início de agosto, e os números devem ser ruins novamente. O trimestre encerrado em março refletiu apenas um curto peródo de paralisação para muitos dos negócios da Disney, mas o período de abril e junho incluirá muito mais paralisações. 

Há uma razão para um otimismo a longo prazo. A Disney World reabriu na Florida com grande aclamação, e pelo menos até agora, os protocolos que a empresa utilizou para combater a pandemia não resultaram em nenhum surto diretamente atribuível ao parque temático. As reaberturas em Xangai também demonstraram que a Disney pode fazer negócios mesmo com a ameaça do coronavírus.

Para seus segmentos de filmes e mídia, o principal impacto da pandemia provavelmente será atrasado. A Disney vai adiar os lançamentos até que um público esteja lá para assisti-los. Isso prejudicará os lucros agora, mas os preservará para crescimento posterior.

As ações da Disney recuaram desde as máximas do final de 2019, e as ações podem cair ainda mais se o próximo lançamento trimestral for assustador.Acho que seria uma oportunidade de compra para investidores de longo prazo, porque a Disney tem o que é preciso para superar a crise e prosperar no longo prazo. 

 

#2 Netflix

(Netflix): Pode parecer um momento estranho para recomendar ações da Netflix,considerando que o preço das ações da empresa disparou cerca de 50% desde o início do ano. Esses ganhos no preço das ações aumentaram a avaliação da Netflix e as ações estão sendo negociadas por cerca de 75 vezes os lucros futuros da empresa. 

As ações da Netflix não são baratas, mas isso não significa que ainda nao seja uma compra. Considere que a Netflix adicionou 10 milhões de assinantes líquidos pagos no segundo trimestre, muito mais do que os 8,26 milhões de Wall Street esperados. Esses ganhos ajudaram a gigante do Streaming a encerrar seu segundo trimestre com 193 milhões de assinantes globais, um aumento de 27% ano após ano.

Além disso, as vendas da Netflix saltaram 25% no último trimestre, para US $ 6,15 bilhões. A direção da empresa disse que o segundo semestre de 2020 pode ser mais dificil do que o primeiro, mas os investidores devem saber que a Netflix ainda espera que a receita aumente em 20% no terceiro trimestre.

A empresa ainda está aumentando a receita e o número de assinantes em um ritmo saúdavel, mas e quanto à concorrência crescente dos concorrentes de streaming? O mercado dos EUA esta enfrentando uma onda de concorrentes de streaming de vídeo que a Netflix terá que afastar, mas tenha em mente que a empresa encerrou 2019 com 61 milhões de assinantes americanos pagos - muito à frente de sua concorrência. Além disso, a Netflix terminou 2019 com 106 milhões de membros internacionais pagantes, o que representa apenas uma fatia do mercado global de streaming. Com a empresa já criando programas e filmes especificamente para os mercado internacionais, a Netflix ainda tem uma grande oportunidade de expandir seus negócios em todo o mundo.

Com os EUA em recessão e países ao redor do mundo lutando contra a pandemia de coronavírus, certamente pode haver alguma volatilidade pela frente para a Netflix ( e quase todas as empresas no momento). Mas o potencial de crescimento de longo prazo da Netflix está intacto e os investidores que têm um cronograma de investimentos de cinco anos, ou mais, devem se beneficiar de possuir este gigante de streaming.

 

#3 Microsoft

As ações da Microsoft caíram um pouco depois que a empresa divulgou seus lucros do quarto trimestre em julho.A maior preocupação dos analistas era desacelerar o crescimento no Azure, o núcleo do negócio de computação em nuvem da Microsoft. O crescimento desacelerou para 47% ano a ano e no quarto trimestre, a primeira vez que a Microsoft reportou um crescimento mais lento do que 50%.

Mas a perspectiva de longo prazo para a Microsoft continua forte. O crescimento das reservas comerciais ficou acima das expectativas em 12%. Como resultado, a obrigação de desempenho remanescente comercial aumentou 23% ano a ano. Notavelmente, as obrigações de desempenho restantes além de 12 meses estão crescendo mais rápido, até 25% ano após ano, indicando compromissos crescentes de longo prazo com as soluções em nuvem da Microsoft. A participação dominante da Microsoft em equipamentos corporativos locais deve estimular sua capacidade de obter participação no mercado de computação em nuvem à medida que faz a transição dessas empresas para o Azure. Enquanto isso, a transição do Microsoft Office do modelo de licencimento para o modelo de assinatura continua avançando bem. O impulso para um trabalho mais remoto pode acelerar a mudança, pois os funcionários precisam ser capazes de fazer login em suas contas corporativas do Office a partir de computadores em casa. A Microsoft está vendo uma transição semelhante para seu pacote de software Dynamics, com o Dynamics 365 agora sendo responsável por 60% da receita. A mudança para mais receita baseada em assinatura adiciona resiliência e consistência às vendas da Microsoft.

O segmento de "computação mais pessoal" da Microsoft, que inclui Windows e Xbox entre outros negócios, também é uma promessa de longo prazo. O Windows continua a crescer de forma constante, intimamente ligado às vendas de PCs, que dispararam com a mudança para trabalho e aprendizagem remotos. O Xbox também viu um grande aumento nas vendas como resultado de pedidos feitos em casa. O crescimento no número de assinantes do Game Pass indica que muitos desses novos jogadores podem permanecer por muito tempo e continuar com o Xbox na próxima geração de consoles.

A recente queda no preço das ações é uma oportunidade para os investidores comprarem ações da gigante do software, já que as preocupações com a desaceleração do crescimento do Azure parecem exageradas. 

 

#4 Cisco Systems (Melhor escolha de ações/dividendos de tecnologia )

Os investidores em renda têm muitos motivos para gostar da gigante de equipamentos de rede Cisco System. A empresa tem aumentado seus pagamentos todos os anos desde que a política de dividendos foi introduzida em 2011. Os preços das ações da Cisco tendem a subir com o tempo, mas os aumentos estáveis de pagamento geralmente mantiveram o rendimento próximo a 3%. A empresa também tem muito espaço para manter os aumentos de dividendos próximos; A cisco gastou apenas 40% de seu fluxo de caixa livre em pagamentos de dividendos no ano passado.

Olhando para o futuro, a Cisco está pronta para se beneficiar de tendências macro explosivas, como computação em nuvem, redes sem fio 5G e redes de curto alcance de próxima geração sob bandeira Wifi 6. A pandemia COVID-19 puxou o freio para essas oportunidades de crescimento, mas a Cisco permanece líder do setor em uma indústria de redes com muito potencial de crescimento a longo prazo.

A Cisco oferece aos investidores forte geração de caixa, crescimento constante de dividendos e um fantástico plano de negócios no longo prazo. Todas essas qualidades favoráveis ao acionista estão à venda agora. As ações da Cisco caíram 16% nas últimas 52 semanas, e os stubs estão sendo negociados apenas 15 vezes as estimativas de lucros futuros.

 

# 5 Visa

A Visa, empresa de tecnologia de pagamentos global com sede nos Estados Unidos, relatou uma queda de 17% nas receitas do trimestre encerrado em 30 de junho, à medida que os bloqueios da COVID-19 reduziram os gastos do consumidor. Mas, a longo prazo, ela se beneficiará da mudança acelerada para o comércio eletrônico e os pagamentos online.

A participação da Visa no comércio eletrônico em que o dinheiro não é uma opção é cerca de três vezes maior do que as transações físicas, disse Alfred Kelly, Presidente da diretoria e CEO da empresa. Em países onde o e-commerce não foi bem desenvolvido, houve uma mudança dramática na adoção - por exemplo, a Argentina viu um crescimento ativo de cartões de e-commerce de mais de 100% e a Romênia teve um aumento de 70%.

O preço médio previsto para 12 meses de acordo com 31 analistas que cobrem a Visa é de US $217 por ação, variando entre US $185 por ação no segmento inferior e US $247 por ação no segmento superior, de acordo com a CNN Business. 

A estimativa do preço médio das ações aponta para um aumento de 11% do preço das ações pós-lucro da empresa. Os indicadores técnicos para a ação indicam que há um potencial de alta para a ação subir. 

 

Perspectiva do analista: O mercado de ações está pronto para negociações agitadas.

A forte alta das ações desde março, liderada pelo setor de tecnologia, esticou as avaliações das empresas e pode estar preparando os mercados para uma retração, de acordo com alguns analistas. Embora o mercado geral deva permanecer em alta no curto prazo, os investidores devem ter o cuidado de pesquisar as potenciais posições em profundidade e estar preparados para a volatilidade contínua.

Essas avaliações estendidas deixam pouca margem para erro, caso as empresas desapontem as expectativas elevadas. 

Com a Nasdaq tendo se recuperado mais de 50% desde o final de março, o ímpeto está do lado dos touros e a resistência parece inútil. No entando, permanecemos vigilantes enquanto a complacência reina por agora, mas o risco normalmente aumenta lentamente, e quando o sentimento muda, a liquidez desaparece rapidamente...O posicionamento de longo crescimento/valor curto está em extremos históricos e uma reversão neste posicionamento pode ser dolorosa, com uma correção bem atrasada. 

Apesar de alguns aspectos positivos, acreditamos que o mercado ainda está em um modo limitado de alcance no curto prazo, com oscilações do setor abaixo da superfície. O mercado está focado em estímulos fiscais e bons relatórios de lucros agora, mas tambeém existem preocupações por aí (processo de reabertura estagnado, tensões geopolíticas, eleições). Dito isso, continuamos positivos no longo prazo e usaríamos a fraqueza para acumular setores favorecidos ( tecnologia, Saúde, Serviços de Comunicação, Consumidor Discricionário).

Você pode tentar pegar a onda da volatilidade do mercado negociando ações da Disney (WMT), Visa (V), Cisco (CLX), Netflix e Microsoft ( MSFT) por meio de contratos por diferença ( CFDs) na AM Broker. Ao negociar CFDs, você pode assumir uma posição longa, especulando que o preço de um ativo vai subir, ou uma posição curta, especulando que o preço vai cair.

Você pode aprender mais sobre negociação de CFD com nossos cursos online e descobrir como negociar CFDs de ações lendo nosso guia completo.

Sempre fique por dentro das últimas notícias do mercado com a AM Broker para identificar as melhores oportunidades de negociação. 

 

>> Sign Up

 

Categorias:  Investing

AM GLOBE SERVICES LTD (AM BROKER) would like to inform you that the services and products described on this website are not offered to citizens of E.U. member states, The United States, Canada, Japan, Turkey, and Australia.